Lua gigante – ilusão de óptica

19 06 2008

A Full Moon Rising

Lua Gigante – Ilusão de óptica

Já presenciou certamente noites em que a Lua parecia ter um tamanho
gigantesco. Trata-se de uma ilusão de óptica que ocorre quando a Lua
está baixa no horizonte.

Nesta situação o cérebro é enganado porque vê a Lua próxima de objectos
na Terra com dimensões que bem conhecemos, como casas, árvores, etc.

Quando a Lua se encontra alta no céu, não há pontos (objectos) de
referência para o cérebro poder usá-los na construção de uma imagem
(cerebral) em que coloca os objectos-imagem com tamanhos proporcionais e
relativos às distâncias percepcionadas, obtidas por sequência de
posições sucessivas e tamanhos angulares aparentes. Se esta explicação
não o satisfizer, sugerimos que tire as suas dúvidas de uma forma
prática. Fotografe a Lua quando esta nascer e tire outra fotografia mais
tarde quando já estiver mais alta no céu. Assim poderá comparar o
tamanho da Lua nas duas imagens.

Esta ilusão costuma ser mais notada quando na fase de Lua Cheia, porque
nessa situação a Lua nasce ao pôr do Sol e encontra-se completamente
iluminada.

Por estes dias, 18 e 19 de Junho além de ser Lua Cheia, ela está também
na sua declinação mais baixa (“solstício” lunar o que seria o
lunastitium), atingindo apenas uma altura de 24º em Lisboa ao passar no
Meridiano. Além disso nasce a 54º SE (neste azimute 0º é o Sul) e põe-se
a 54º SO. Assim, prolonga-se durante muito tempo a situação com a Lua
“próxima do horizonte” sempre a Sul. Em Julho, também por volta do dia
18, a situação será semelhante, embora um pouco menos favorável, uma vez
que a passagem meridiana será a 27º de altura

A junção destes dois efeitos, Lua Cheia e altura sempre baixa, cria uma
situação continuada de Lua “sempre” muito grande (maior que o normal)
durante toda a noite. Este efeito é potenciado para observadores a
latitudes ainda mais elevadas, uma vez que, nessas latitudes a Lua sobe
“ainda” menos no céu ao longo da noite.

Os admiradores terão uma boa oportunidade de observar uma bela Lua
gigante. A melhor hora para se observar é no nascimento da Lua olhando
através das árvores, casas ou cumes das montanhas.

(texto do Observatório Astronómico de Lisboa)

Anúncios

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: